Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




calendário

Maio 2007

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Pesquisar

 


Enfim libertado

Quarta-feira, 09.05.07

"O Tribunal da Relação de Coimbra reduziu a sanção do sargento Luís Gomes de seis para três anos de prisão com pena suspensa. O sargento já está em liberdade." In PortugalDiário

Parece que a justiça portuguesa percebeu o erro que cometeu. Infelizmente o sargento teve de permanecer algum tempo preso injustamente, dada a “fortaleza” que tem a nossa justiça.

Agora lamenta-se que tenha demorado tanto tempo a chegar a esta conclusão. É com situações destas que podemos ver as injustiças abraçadas pela justiça sem peso nem medida. Ainda dizem que o seu símbolo é a balança, ó que balança, desequilibrada. Tantos “ladrões” à solta, corruptos nem se fala, desequilibrados que levam outros ao desequilíbrio, tantos merecedores de cadeia e andam por aí. E quando um pai quer “criar a sua filha” não deixam. Se errou, deve sim responder por isso de forma consciente, mas o caso não foi de roubo, de morte, de delírio… foi um acto de solidariedade, de amor, de ajuda, de compreensão pelos mais fracos, deram-se a uma ajuda incondicional.

Esperamos que com a libertação do sargento aquela família volte a ser uma família equilibrada e com as ajudas necessárias para isso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por kerokrer às 18:54

4 comentários

De Anónimo a 09.05.2007 às 20:30

Parabéns sargente, parabéns. Depois de cinco meses preso merece uma festa.

De Anónimo a 11.05.2007 às 01:40

Independentemente de ser exagerada ou não a medida que lhe foi aplicada, este indivíduo cometeu um crime. Ou desde quando, depois de uma decisão final de um tribunal, impedir o pai verdadeiro de ter a filha consigo, deixa de ser crime?! As pessoas vão atrás do populismo e todo o 'circo' que foi montado em torno do caso. Mas o que é certo é que os tribunais erraram, deixaram arrastar uma decisão que devia ter sido cumprida à risca (entregar a miúda ao pai verdadeiro!) e ainda estão a ser benevolentes e coniventes com uma raptora (que eu saiba é isso que a esposa do sargento é). O 'povinho' é tão estúpido que se deixam levar por todo este folhetim. Noutro país, mais civilizado, há muito que este sargento já estava bem preso. Qual amor qual carapuça.

De Anónimo a 11.05.2007 às 09:29

Tanto quanto se sabe existem duas decisões diferentes de dois tribunais. Tanto quanto se sabe numa destas decisões foi decretada a confiança judicial aos pais adoptivos que à luz da lei esta mesma confiança judicial ao ser decretada retira quaisquer poderes aos pais biológicos. Se referir que essa criança foi entregue pela mãe logo após os seu nascimento e de livre vontade ao casal adoptante, só começou esta trama toda depois que o papá biológico ao fim de seis anos foi atacado por uma súbita doença amorosa ou do foro afectivo e com toda a certeza à procura duns eurozitos dado o mediatismo que conseguiu com tudo isso!!! Quem criou, deu afecto, educação, etc etc, agora é um FDP... Opá, tirem as palinhas dos olhos, e não são as laterais, são mesmo as da frente. Irrrrrrrrrrrraaaaaaaaaa.....!!!!!!

De Anónimo a 11.05.2007 às 13:45

Incrível como podem acusar uma mãe de rapto se ela recebeu aquela criança à nascença, foi-lhe entregue para criar e ela aceitou. Acham que agora ela a raptou? Meu Deus tanta ignorância, então se ela a aceitou desde nascença como filha, a educou até ao momento em que o pai se lembrou que era pai, e achavam o quê? Que ela ia entreegá-la de livre vontade depois de a ter criando até ali? Pensem, ninguém abandona um filho assim, se ela não lhe tivesse amor como filha entregava-a de livre vontade e nãos e submetiam a tudo isto incluindo a prisão. Pensem.

Comentar post



Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...