Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




calendário

Abril 2007

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930


Pesquisar

 


Arrifana e o futuro

Terça-feira, 03.04.07

De quando em vez o tema do desmembramento do concelho de Santa Maria da Feira é abordado.

Esta hipótese de desmembramento foi já lá vão imensos anos intentado em Arrifana pelo então Presidente da Junta – Dr. Francisco Gomes da Cruz (recentemente falecido), e que lhe veio a custar numa valente coça dada pelo então grupo opositor liderado pela Família dos Leites.

Muitos anos depois esse assunto voltou à baila aquando do triste e célebre episódio do fecha, não fecha da Escola EB-1 de Manhouce .

Agora que os ânimos estão mais calmos, muito embora muita e boa gente jamais perdoe a Dário Matos o ter assumido a posição de Pilatos, seria interessante referendar-se em Arrifana a possibilidade de desertar do concelho de Santa Maria da Feira e juntar-se ao concelho de São João da Madeira. Não que a situação fosse viável, pois estou em querer que face à legislação actual esta hipótese seria improvável e rejeitada pelo Governo.

Também é verdade que numa futura conjuntura de reformulação administrativa nacional será uma realidade mais que evidente a passagem de Arrifana e Milheirós de Poiares, do concelho de Santa Maria da Feira, Macieira de Sarnes e Cucujães do concelho de Oliveira de Azeméis para o vizinho e só concelho de São João da Madeira.

A verdade é que as verbas atribuídas a um concelho como São João da Madeira com freguesia única são muitíssimo mais expressivas que as atribuídas a um concelho como o de Santa Maria da Feira com 31 freguesias, entre as quais 3 cidades.

Uma obra como a levada a efeito na zona ribeirinha de São João da Madeira obviamente tem um impacto muito maior que uma obra similar levada a efeito pelo concelho de Santa Maria da Feira.

São João da Madeira tem saneamento há imensos anos, fruto da visão futurista dos Presidentes de então e da enorme vantagem de serem concelho, cidade e freguesia única. Na Feira a aposta foi outra – o Europarque , terá sido a melhor? O futuro está para aferir de quem teria razão.

Certo é que a situação actual é absolutamente insustentável pois as populações são as mais sacrificadas graças a guerrilhas políticas que por um lado pretendem alargar os seus horizontes – São João da Madeira e por outro pretendem manter o seu feudo – Santa Maria da Feira.

Arrifana que é uma das freguesias de fronteira acaba inevitavelmente por ser uma das mais prejudicadas com estas guerrilhas. Calcorreamos passeios em terra ou aos altos e baixos, enquanto ali ao lado são os passeios em pedrinha de basalto e calcário. Vamos passear a zona ribeirinha vizinha que é um regalo para a vista enquanto a nossa é um perfeito ultraje ao nosso olfacto e à vista desarmada vê-se silvas, algumas pedras alinhadas e um lago de merda ”. Num lado vêem-se patos, no outro rãs e uma enormidade de seres esvoaçantes que normalmente chafurdam no esterco. Num dos lados vemos as estradas a serem recuperadas e perfeitamente transitáveis, no outro vemos os buracos a aumentarem e estradas dignas de um “safari”. Num lado vemos jardins com relvas e flores no outro silvas, erva, patas de cavalo e lixo com fartura.

Perante isto e muito mais que ficará por dizer, não será de começarmos a pensar muito seriamente numa deserção da Feira e numa futura anexação ao vizinho concelho de São João da Madeira?

Coloquem-se as paixões de lado, resguarde-se o coração que nos puxa para um dos lados, e racionalmente comecemos a pôr os neurónios a funcionar de forma a vermos as coisas sim pelo lado da razão e não pelo lado da paixão.

Lanço o repto de o nosso blog fazer um referendo local e de os visitantes ao nosso blog comentarem este que não é mais que um pensamento isolado mas feito com realismo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por kabilkar às 11:07

7 comentários

De Anónimo a 03.04.2007 às 13:38

Excelente, simplesmente.

De Laura a 03.04.2007 às 18:34

Com um bocadinho de sorte acabamos anexados a SJM sem dúvida nenhuma . Por um lado é bem melhor, talvez Arrifana evoluísse um pouco.

De Habitante de Manhôce a 03.04.2007 às 23:07

Sugiro uma sondagem através do BLOG. Por mim fico triste que não tenha passado para São João da Madeira, em tempos com o falecido Dr. Cruz ( a quem presto a minha a minha homenagem por quanto fez pelos Arrifanenes em tempo de fome, BEM HAJA!).
O reinado das pessoas dita "importantes" em Arrifana está a acabar! Força aos jovens, pois está neles depositamos a nossa esperança. Parabéns ao Kaska e seus colaboradores.

De Atento a 04.04.2007 às 12:47

Esta é uma discussão inata à preocupação dos arrifanenses que têm vivido num regime de rivalidades visíveis e infelizmente desnecessárias quanto a mim. Mudar-se a vila para SJM não é a solução para metade dos problemas existentes, penso que seria melhor ter na frente do barco uma equipa de pessoas capazes de fazer pela terra. È necessário exigir perante o governo central maiores contrapartidas para este concelho, tão grande e tão rico. É necessário fazer ver no governo que Santa Maria da Feira precisa de maior apoio a todos os níveis quer sociais, quer económicos. A sustentabilidade financeira deste concelho está de rastos e nem Darinho nem barbinhas conseguem sair do buraco que criaram com tanta ambição em crescer e ser "dono" de uma terra que não é a sua mas sim que é de todos. Penso que está na hora de lutarmos pela nossa terra e votar para ficar e nunca para abandonar as raízes que nos viram crescer. Arrifana é da Feira e deve continuar a sê-lo.

De Laura a 04.04.2007 às 13:52

Eu estou baralhada com esta sondagem, será que realmente Arrifana não quer ser mais uma das 31??
Eu voto não

De Anónimo a 07.04.2007 às 22:48

Pois é, pois é, será que a malta já se esqueceu dos famosos alfaiates? Primeiro queriam encerrar-nos a escola, agora temos a praga dos alfaiates no lago da merda junto à escola. A acontecer a transição, desejada certamente por muitos, não teriamos pilatos, não teriámos alfaiates, não teriamos agua vermelha a correr nos nossos rios (onde pára a fiscalização da GNR Rural -Ovar e os técnicos sanitários leia-se veterinários que por lá andame não Vêm a àgua a ser despejada para o rio naquelas condições) Mudem-nos rápidamente de Concelho

De Anónimo a 07.04.2007 às 23:36

Voltar as costas à cova já devia ter sido à muito pois com esta gente a aceitar submissão a tudo que é da cova, não vamos a lado nenhum. Viva SJM que é o orgulho do distrito de Aveiro, nós aqui só temos merda a rojar pelas ruas, abaixo a mania de ter 31 freguesias.

Comentar post



Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...