Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




calendário

Março 2011

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Pesquisar

 


Coacção sobre Trabalhado​res do Jumbo de Aveiro

Quarta-feira, 30.03.11

Coacção sobre Trabalhadores do Jumbo de Aveiro para abertura da grande superfície ao domingoO Bloco de Esquerda tomou conhecimento que os trabalhadores da grande superfície Jumbo, do concelho de Aveiro, estão a ser alvo de intimidações. Esta atitude, que terá ocorrido em reuniões individuais e colectivas, serve de coacção para que subscrevam um abaixo-assinado para que as grandes superfícies estejam abertas ao domingo no concelho de Aveiro. As folhas para a subscrição do abaixo-assinado encontram-se na portaria do pessoal, onde um segurança reforça essa pressão.
 
Segundo o Decreto-Lei n.º111/2010, de 15 de Outubro, os municípios terão até dia 12 de Abril para elaborar ou rever os regulamentos municipais sobre horários de funcionamento dos estabelecimentos comerciais, prevendo uma decisão sobre a abertura das grandes superfícies aos domingos. O abaixo-assinado que a empresa está a promover visa ter um efeito sobre os decisores autárquicos para que seja permitida a abertura das grandes superfícies comerciais ao domingo.
 
O Bloco de Esquerda considera inaceitável esta pressão sobre os trabalhadores, procurando a empresa, através da coacção dos funcionários, ter mais assinaturas para apresentar. Esta atitude é intolerável e deve ser sancionada pelas autoridades públicas respectivas.
 
O Bloco de Esquerda alertou publicamente que a liberalização dos horários das grandes superfícies traria uma maior desestruturação dos horários de trabalho, bem como levaria uma diminuição dos postos de trabalho no sector do comércio. Assim, sempre acusamos o governo de estar a defender o interesse dos grandes grupos económicos, em detrimento dos interesses do comércio local e dos trabalhadores. A realidade está a dar razão a estas preocupações do Bloco de Esquerda.
 
O deputado do BE eleito pelo distrito de Aveiro, Pedro Filipe Soares questionou o Ministério do Trabalho e Solidariedade Social. Ler aqui as perguntas
 
  
 
Comissão Coordenadora Distrital do Bloco de Esquerda de Aveiro

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...






subscrever feeds