Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




calendário

Novembro 2010

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


Pesquisar

 


Este país não é para corruptos

Sábado, 27.11.10

Em Portugal há que ser especialmente talentoso para corromper. Não é corrupto quem quer.

 

Portugal é um país em salmoura. Ora aqui está um lindo decassílabo que só por distracção dos nossos poetas não integra um soneto que cante o nosso país como ele merece. "Vós sois o sal da terra", disse Jesus dos pregadores. Na altura de Cristo não era ainda conhecido o efeito do sal na hipertensão, e portanto foi com o sal que o Messias comparou os pregadores quando quis dizer que eles impediam a corrupção. Se há 2 mil anos os médicos soubessem o que sabem hoje, talvez Jesus tivesse dito que os pregadores eram a arca frigorífica da terra, ou a pasteurização da terra. Mas, por muito que hoje lamentemos que a palavra "pasteurização" não conste do Novo Testamento, a referência ao sal como obstáculo à corrupção é, para os portugueses do ano 2010, muito mais feliz. E isto porque, como já deixei dito atrás com alguma elevação estilística, Portugal é um país em salmoura: aqui não entra a corrupção - e a verdade é que andamos todos hipertensos.

Que Portugal é um país livre de corrupção sabe toda a gente que tenha lido a notícia da absolvição de Domingos Névoa. O tribunal deu como provado que o arguido tinha oferecido 200 mil euros para que um titular de cargo político lhe fizesse um favor, mas absolveu-o por considerar que o político não tinha os poderes necessários para responder ao pedido. Ou seja, foi oferecido um suborno, mas a um destinatário inadequado. E, para o tribunal, quem tenta corromper a pessoa errada não é corrupto - é só parvo. A sentença, infelizmente, não esclarece se o raciocínio é válido para outros crimes: se, por exemplo, quem tenta assassinar a pessoa errada não é assassino, mas apenas incompetente; ou se quem tenta assaltar o banco errado não é ladrão, mas sim distraído. Neste último caso a prática de irregularidades é extraordinariamente difícil, uma vez que mesmo quem assalta o banco certo só é ladrão se não for administrador.

O hipotético suborno de Domingos Névoa estava ferido de irregularidade, e por isso não podia aspirar a receber o nobre título de suborno. O que se passou foi, no fundo, uma ilegalidade ilegal. O que, surpreendentemente, é legal. Significa isto que, em Portugal, há que ser especialmente talentoso para corromper. Não é corrupto quem quer. É preciso saber fazer as coisas bem feitas e seguir a tramitação apropriada. Não é acto que se pratique à balda, caso contrário o tribunal rejeita as pretensões do candidato. "Tenha paciência", dizem os juízes. "Tente outra vez. Isto não é corrupção que se apresente."

 

Fonte: Visão

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

RVCC – Sessão de Júri

Sábado, 27.11.10

 

 

No seguimento de notícias anteriores os grupos de adultos de Arrifana que estiveram a desenvolver o processo de RVCC no CNO da Escola Secundária de Santa Maria da Feira estão em fase de conclusão de processo tendo já concluído cerca de uma dezena e no próximo dia 29 de Novembro, Segunda-feira terminarão mais 8 adultos numa sessão de Júri de Validação (Sessão Pública) que, a titulo excepcional, será realizada no Auditório da Junta de Freguesia após as 19h30m.

Através da colaboração com o Centro de Novas Oportunidades da Escola Secundária de Santa Maria da Feira, todos os interessados podem valorizar-se e reconhecer as suas competências pessoais, profissionais e sociais e obter conjuntamente uma certificação escolar ao nível 6º Ano e 9º Ano, ou 12º Ano.

 

Está na altura de novos Arrifanenses aproveitarem a oportunidade de se inscreverem e terem a possibilidade de realizarem o Processo RVCC – Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências na nossa Vila de Arrifana.

 

Quem pretender os primeiros esclarecimentos pode comparecer na Junta de Freguesia ou se desejar inscrever-se através do impresso que pode imprimir e depois ser enviado para os contactos referidos ou entregue na Junta de Freguesia.

 

As oportunidades não se discutem!.. APROVEITAM-SE

 

Os adultos que frequentaram o anterior processo agradecem:

- À Junta de Freguesia de Arrifana;

- Ao Grupo de Cidadãos Unidos Por Arrifana. – UPA,

- Ao Sr. Zulmiro Familiar pela cedência gratuita das instalações – Café Zubel,

- À EB2,3 de Arrifana e;

- A toda a equipa do Ensino Básico do CNO da Escola Secundária de Santa Maria da Feira.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...






subscrever feeds