Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




calendário

Maio 2010

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031


Pesquisar

 


Desistências na UPA

Quinta-feira, 20.05.10

 

Grande dia este, uma festa e muita alegria, depois de muito trabalho em campanha eleitoral. Um excelente trabalho, para um grupo novato, sem experiência nenhuma e com gente nova que nunca tinha estado ligada à política.

Olhando para a fotografia, reparo que três pessoas "desertaram" do grupo. Nunca mais se ouviu falar delas. Tive o cuidado de averiguar e essas mesmas três pessoas não participaram já na última caminhada - UPA.

Que terá acontecido ao grupo que tinha uma posição coesa,  e mostrava dedicação à causa arrifanense, que de repente se vê com pelo menos três elementos do grupo principal a desistirem da tal causa?

De uma pequena investigação que fiz, descobri que há motivos para estas pessoas não quererem continuar envolvidas, parece-me que a informação é bastante credível.

Ora vejamos então o que poderá ter acontecido:

1º Eduardo Costa - entra como membro para a oposição.

2º Alcino Monteiro - entra como membro para a oposição.

Júlia Guerra - não entra como membro da Assembleia, o que a faz ficar muito triste, afinal esperava o seu tachito tal como deve ter tido na JUAT. Por poucos votos este 3º elemento não entrou como oposição UPA, agora falta saber se ainda bem, ou se perdemos um grande elemento na terra, que mesmo não residindo na mesma, é natural de Arrifana e esteve muito tempo ligada à Associação JUAT. Como é do conhecimento do povo em geral a JUAT faliu, não se sabe muito bem como é que uma Associação sem fins lucrativos pode falir, mas a verdade é que as dívidas eram tantas, que tiveram de acabar com algo, que há uns bons anos atrás, era uma das Associações mais importantes da terra. Ligada ao desporto dos jovens e não só, esta Associação foi grandiosa no tempo de Edy - Eduardo Costa, cabeça da UPA.

Quando a JUAT passou para um grupo que só pensava em dinheiro e constituido por bases políticas o desmorenar foi avassalador. Tenho certeza que tal como eu, muita gente gostava de saber se a senhora D. Júlia, fez parte desse desmorenamento, se ajudou a que a JUAT tivesse um FIM.

A partir daqui, podemos saltar para Dina Tavares, um elemento também bem posicionado que mal terminaram as eleições nunca mais se ouviu falar. Pelo que averiguei, nenhum motivo aparente, simplesmente o facto de não ter entrado na Assembleia, ou Junta de Freguesia, tudo perde interesse.

Prosseguindo termino em Odete um elemento numa posição que já seria difícil entrar mas que teve uma grande influência negativa para o grupo, por questões pessoais, talvez por isso tenha saído.

Concluíndo este meu post, devo acrescentar que destas três desistências, apenas uma tem realce na investigação. Pois pelo que me disseram era uma mais-valia para a terra e fugiu, terá o rabo preso?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pedido de esclarecimento de um encarregado de educação

Quinta-feira, 20.05.10

 

"A Comissão de Pais teima na reabertura do ATL do Centro Social e Paroquial de Arrifana. Afirmam ter existido falta de “transparência, incoerência e contradição” nas contas apresentadas pelo Centro Social e afirmam não desistir de lutar até alcançarem o fim desejado."

 

Pelos vistos as dúvidas persistem no seio dos pais, a falta de transparência continua a existir. Falou-se neste blog de um tal contrato que os pais estavam a assinar, sabe-se lá para quê! O que é certo é que hoje, o kask&deskaska recebeu um mail de um encarregado de educação cheio de dúvidas.

O kaska&deskaska divulga a dúvida e aguarda esclarecimento a este encarregado de educação e outros que tenham a mesma dúvida, talvez através da Comissão de Pais.

 

"O ATL de arrifana tem dado muito que falar, mas a sensação com que fico muitas vezes é que são ganhas pequenas batalhas (mas importantes, é certo) pela Comissão de Pais, mas continuam os mesmos a comer a carne...

Leio sempre com muita atenção o vosso blog, e noutro dia alguém falava de um contrato que o centro estava a dar aos pais para estes assinarem. Recebi esse contrato ontem em casa e fiquei sem saber ao certo se o tenho que efectivamente assinar e quais as verdadeiras intenções que o Centro tem ao fazer isto. É a primeira vez em 2/3 anos que me pediram para  assinar tal contrato."

 

Gostaríamos de saber:


- se temos que assinar o contrato?
- porquê só agora este contro está  a aparecer, a dois meses da instituição fechar?
- se não for assinado o contrato o meu educando deixa de ter acesso ao centro?
- até que ponto, no contrato poderá haver uma referência a um anexo, onde se coloca explicitamente o calculo que o centro fez da mensalidade a pagar.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Ética e Deontologia Profissional no CSP

Quinta-feira, 20.05.10

Ética e Deontologia Profissional no Centro Social e Paroquial de Arrifana

Ontem no Centro Social e Paroquial de Arrifana houve uma palestra/formação sobre o tema Ética e Deontologia Profissional, todas as funcionárias do infantário reunidas, um senhor muito bem falante, com um discurso encomendado lá ia dissertando sobre o assunto, em conclusão da reunião tivemos o "chefe" (vulgo cortador de unhas) a comentar que de facto é preciso haver ética na profissão e que o formador tinha tocado em alguns pontos muito importantes, sempre apoiado pela coordenadora do Centro.

No final fiquei com algumas dúvidas que gostava de ver esclarecidas uma vez que na palestra não foi possível:

o No final do ano lectivo passado, o Centro despediu erradamente 3 funcionárias, conforme o tribunal veio a confirmar (isto é ético ou deontológico?);
o Trataram-nas de forma desumana, violando a integridade psicológica das pessoas (foi ético ou deontológico?);
o As funcionárias foram reintegradas, perseguidas, achincalhadas pelo Sr. Henrique e pela Catarina (isto é ético ou deontológico?);
o As funcionárias estiveram fechadas numa sala do ATL de castigo muito tempo (isto é ético, deontológico, imoral ou crime?);
o Trabalhar sob a alçada desse senhor é andar sob constante pressão, uma vez que ele ameaça constantemente quem lhe faz frente (isto é ético ou deontológico?);
o Para poder mandar 3 pessoas embora a direcção vê-se obrigada a despedir 5, não se coibindo de o fazer (mais uma vez. Ética ou deontologia?);
o Lê-se no kaska que ele anda a perseguir não só as funcionárias como as respectivas famílias (ética ou deontologia?);
o Estive em recente apresentação pública e vi que o Centro tem lucros de milhares de contos e mesmo assim fechou o ATL alegando dificuldades financeiras (isto é ética ou deontologia?);
o Ouvi falar sobre umas actas que dizem ser uma vergonha (isto é ético ou deontológico?)

Porque não tive os esclarecimentos que julgo necessários no final da reunião, deixo aqui as perguntas que gostava de ver respondidas.

Estamos numa terra do "olha para o que eu digo, mas não olhes para o que eu faço".
(agora vão à procura da minha ficha de presença)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...






subscrever feeds