Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




calendário

Setembro 2008

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


Pesquisar

 


A Demagogia ao limite...

Quarta-feira, 24.09.08

Leia esta notícia, vale a pena reforçarmos o que é  a verdadeira demagogia do nosso governo

 

"A demagogia está para os políticos como o chocolate para os gulosos: é bom de mais para resistir.

 

A demagogia na boca de um político é quase tão previsível como o cair da noite. Em algumas ocasiões é de tal forma evidente que acaba por nos confortar. Ouvimos e temos a certeza de que o mundo continua tal como o conhecemos.

Por exemplo um ministro. É normal que faça um discurso demagógico sobre energias renováveis uns dias depois de também ter sido demagógico quanto ao preço da gasolina. Também é de esperar que um político de direita aproveite três assaltos para reclamar mais polícia. Um e outro estão apenas a dizer-nos que está tudo bem com eles. Permanecem na posse de todas as suas faculdades, seja lá o que isso for.

A demagogia que me irrita é a que utiliza crianças. Também me incomoda a que se faz a partir da educação. Juntar crianças na escola para fazer política é mesmo o cúmulo da demagogia. Até porque qualquer aprendiz de assessor sabe que os miúdos ficam sempre bem na televisão.

Excepto nas nações em guerra, a educação deve ser o tema mais relevante para qualquer governo. Se repararmos bem, uma boa escola dá-nos as ferramentas necessárias para vivermos no mundo e, se tivermos muita sorte e a atenção necessária, entendê-lo. É, portanto, o último sítio onde se tolera a demagogia dos políticos.

Lamentavelmente, o primeiro-ministro português decidiu fazer coincidir o arranque da campanha eleitoral do seu partido com os primeiros dias de aulas. Esta coisa do computador «Magalhães» é apenas o último e mais visível efeito dessa demagogia insuportável.

Ver membros do governo a distribuir computadores nas escolas fica como uma das imagens fortes desta legislatura. Pela repulsa que causa a quem convive diariamente com a realidade nas escolas portuguesas, pelo menos aquelas que o primeiro-ministro não visita.

O mesmo primeiro-ministro que dirige um país onde as propinas das faculdades aumentam, as famílias se endividam para comprar livros escolares, as escolas caem de velhas, os alunos têm aulas em contentores e os rankings só melhoram quando a exigência baixa.

Pelo menos numa área tão importante como esta, José Sócrates deveria esquecer o que lhe diz a propaganda e falar verdade. Talvez assim conseguisse deixar uma marca que perdure em vez de um computador." In Diário.iol.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

Terá sido o tempo o culpado?

Quarta-feira, 24.09.08

 

Pois é, estava tudo óptimo, de facto não fosse o fracasso que ninguém gosta de assumir em Arrifana.

O Festival da Francesinha não teve a verdadeira adesão dos Arrifanenses, ou por falta de dinheiro ou porque o tempo não deixou, qual delas a justificação mais plausível?

Vamos ter a resposta daqui a cerca de 15 dias quando se voltar a repetir o evento, nas instalações dos Bombeiros Voluntários da terra, afim de serem cumpridos os objectivos a que os elementos organizadores se prontificaram e para ver se nem o tempo estraga o petisco.

O Kaska&deskaska espera poder provar uma francesinha mais quentinha:)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...






subscrever feeds