Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




calendário

Outubro 2006

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031


Pesquisar

 


A noite das Bruxas ou Halloween

Terça-feira, 31.10.06
Há mais de dois mil anos atrás, o povo celta (que habitou territórios hoje pertencentes à Inglaterra, França e Alemanha, principalmente) festejava o 31 de Outubro como o clímax do seu festival Samhain, que marcava o fim do ano velho e início de um novo período. Os celtas homenageavam então o deus-sol Baal, que tinha garantido os stoks de alimentos para o inverno seguinte.  
No quarto século depois da chegada de Cristo, o imperador romano Constantino declarou legais os ritos pagãos; não podendo combatê-los, os cristãos procuraram absorver esses ritos, e assim os rituais de fogo para Samhain ou Saman (um druida conhecido como o Senhor da Morte, que passava pelo mundo recolhendo as almas falecidas no ano anterior, que seriam destinadas a habitar os corpos de animais, e eram encontradas na forma de fantasmas, espíritos, bruxas ou duendes), em 31 de Outubro, passaram a ser entendidos como busca de protecção contra o Demónio, inimigo de Deus.
 
No século VII, a Igreja celebrava o Dia de Todos os Santos em Maio, mas duzentos anos depois (no ano de 834) a data foi transferida por Gregório IV para 1º de Novembro. O festival original para o pagão Senhor da Morte tornou-se uma lembrança dos mortos cristãos, com uma vigília preparatória na noite de 31 de Outubro, chamada Hallowmass (palavra originada do Inglês antigo hallow, significando santificação). As pessoas começaram a aguardar a chegada de fantasmas nessa noite.
 
Outro nome para a véspera do Dia de Todos os Santos era All Hallows'Even (significando a noite antes do dia de Todos os Santos), depois encurtado para Halloween. No século X, a Igreja dedicou o dia 2 de Novembro às almas, em memória de todos os falecidos. Halloween, Dia de Todos os Santos e Dia dos Mortos passaram a fundir-se numa mesma tradição. 
Esta festa, por estar relacionada na sua origem à morte, recorre a elementos e figuras assustadoras. São símbolos comuns desta festa: fantasmas, bruxas, zumbis, caveiras, monstros, gatos negros que datam do tempo em que o festival Samhain se fundiu com Halloween. As pessoas não queriam ser reconhecidas pelos fantasmas da noite e assim usavam máscaras. Mais recentemente, as crianças passaram vestir-se como fantasmas e duendes para assustar os vizinhos.
Em Portugal a comemoração desta data é recente. Chegou ao nosso país através da grande influência da cultura americana, principalmente através da televisão e tem vindo a criar raízes, e o nosso concelho tem acompanhado esta tendência; para o comprovar o Pólo de Arrifana da Casa Municipal da Juventude vai realizar no dia 31 de Outubro mais uma actividade relacionada com este tema:a Festa de Halloween.
 
O programa para a noite de Halloween tem início às 20h00 e contempla um jantar convívio às 22h00, e, mais tarde, por volta das 24h00, a exibição de um filme de terror/suspense, alusivo ao certame.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escola a tempo Inteiro = Desemprego

Terça-feira, 31.10.06

Com a implementação da Escola a Tempo Inteiro, começam a ver-se os primeiros sinais de alerta. O desemprego é já um factor a ter em conta para a sobrevivência dos ATLs.

Como nos fala o “Terrinhas” “Com a implementação do projecto “Escola a Tempo Inteiro”, as crianças passam menos tempo naquela valência”, O ATL de Milheirós corre o risco de não suportar as despesas, podendo mesmo vir a despedir funcionários. Esta é a realidade das mudanças exigidas pelo ministério. É no poupar que está o ganho, de facto maravilhoso, ou não sejam as escolas mais baratas em tudo, “baratas em instalações, baratas em actividades, baratas em pessoal, baratas em tudo”. Vejamos, na escola os pais não pagam, mas os alunos têm más condições físicas para usufruírem das actividades que lhes são oferecidas; as actividades acabam por ser mal ministradas por falta de condições e de material adequado; o pessoal docente trabalha a preços de saldo; o pessoal auxiliar é escasso para as necessidades das escolas; tudo funciona em função de uma politica economicista. E os pais, onde andam com a cabeça? Ninguém reclama pelo direito a um ensino gratuito, justo e de qualidade? Na verdade ninguém se importa de ter os filhos a “passar” o tempo na escola. Com esta medida, o desemprego vai aumentar e a politica economicista vai-se pelo rio abaixo. Não dá para entender a mentalidade politica de  quem governa, que tanto querem mudar, oferecer e igualar que apenas têm cometido erros de bradar aos céus. Não vale a pena bater no ceguinho, que ele nunca vai ver.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...






subscrever feeds