Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




calendário

Outubro 2006

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031


Pesquisar

 


Praxe: Julgamento adiado

Quinta-feira, 05.10.06

Parece-me que a Ana não vai ter sorte, já começou por ser o tribunal a adiar o julgamento e a pedir refelxão às partes. Quanto a mim não há nada para reflectir, mas quem sabe umas "ameaças" não fazem reflectir melhor....Portugal não se limita a julgar, parece estar sempre do lado dos "criminosos".

 

"O julgamento do pedido de indemnização de uma ex-aluna ao Instituto Piaget de Macedo de Cavaleiros, alvo de alegados abusos nas praxes, foi esta quarta-feira adiado por sugestão do tribunal que pediu às partes para reflectirem.

A ex-caloira Ana Sofia Damião reclama quase 70 mil euros por «danos morais e patrimoniais», alegando sentir-se «lesada» pela forma como a direcção do Piaget conduziu o caso quando se queixou de abusos nas praxes em 2002.

A juíza titular do processo chamou os advogados e entendeu suspender a instância por 30 dias para que as partes possam reflectir sobre o processo e eventualmente chegar a um consenso.

Caso esse consenso não seja alcançado, o julgamento tem nova data marcada para 09 de Fevereiro de 2007.

A advogada da ex-aluna, Elisa Santos, que pede quase 70 mil euros de indemnização ao Piaget, faz depender um consenso do que a outra parte estiver disposta a ceder e do que lhe for proposto.

O defensor do Piaget, Eduardo Costa, não quis pronunciar-se sobre o assunto, explicando apenas que o que aconteceu hoje «é uma obrigação legal do tribunal tentar um consenso, que as partes resolvam os litígios amigavelmente sem necessidade de julgamento».

Pisem, mas não acabem com o espírito académico

Um grupo de actuais alunos do Piaget de Macedo de Cavaleiros apresentou-se hoje trajado à porta do tribunal com cartazes em que se lia «pisem, mas não acabem com o espírito académico».

Os alunos acabaram por entrar no edifício e concentraram-se na sala onde as partes aguardavam os procedimentos judiciais, incluindo a aluna autora do processo.

Um porta-voz do grupo, João Bastos, explicou que a ideia dos alunos foi aproveitar o momento para dizer que «existem, têm uma academia e que, apesar de tudo, estão ao lado da instituição».

«Está a passar-se uma imagem de que as praxes são violentas, e as praxes são para unir e dar a conhecer Macedo de Cavaleiros», disse.

Segundo disse à Lusa, o valor da indemnização resulta de cálculos relativos a danos morais, pela forma como o caso a afectou «psicologicamente» e despesas relativas a esse período, em que se incluem as mensalidades pagas ao instituto, custos com alojamento e alimentação, entre outras.

Na indemnização é ainda contabilizado «o atraso na entrada do mercado de trabalho» por ter perdido um ano de estudos." in Agência Lusa

Autoria e outros dados (tags, etc)

por sednaa às 00:53

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...






subscrever feeds