Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Twitter


calendário

Janeiro 2007

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031


Pesquisar

 


Quanto custa o aborto?

Domingo, 14.01.07

O aborto vai custar entre 7,2 e 10,8 milhões de euros por ano, se o «sim» vencer o referendo sobre despenalização, segundo uma estimativa do ministro da Saúde, Correia de Campos, citada pelo jornal Expresso.


”O ministro estima que os abortos realizados em Portugal rondarão, anualmente, os 23 mil, um número que serviu de base para calcular os custos.”

Para saberem fazer este cálculo, tiveram de basear-se em suposições, logo, o aborto existe, é feito e todos nós sabemos que destes 23 mil a maioria são feitos ilegalmente sem condições ou noutros países.

 

“Para chegar aquela previsão, o ministro baseou-se em estimativas da Associação para o Planeamento Familiar - segundo a qual terão sido feitos, em 2006, cerca de 18 mil abortos clandestinos - e fez uma comparação linear com Espanha - onde, em 2005, se realizaram 91.664 abortos.”

Basta reflectirmos neste número (18.000 abortos clandestinos) para pensarmos duas vezes antes de dizer não à despenalização. Se na realidade eles existem, por que não existirem com segurança, higiene e com condições sociais mais dignas que levem a um apoio psicológico mais saudável? Pois nunca diga….”Eu sou contra… nunca o faria.” nunca sabemos o dia de amanhã. Quem for capaz de dizer um não com tanta certeza do futuro, que atire a primeira pedra, quem for capaz de dizer que sabe o por quê de o fazerem tantas mulheres, que atire a segunda. Pois esta questão não deveria ser discutida nas bancadas da política, mas sim nas bancadas da sociedade. Que benefícios o governo dá às mães solteiras; às mães que por descuido já vão ter o 5º filho; às mães adolescentes que por falta de informação, experiência de vida…engravidaram; às mães que são abandonadas pelos maridos e/ou namorados quando engravidam? Que segurança tem uma mãe se disser sempre não a tudo? A vida é um jogo, e só ganha quem sabe jogar bem.

 

“«Partindo do valor médio estimado para o preço da Interrupção Voluntária da Gravidez (IVG) em Espanha, €360, considerando um total de 20 a 30 mil por ano, assumindo que todas as mulheres portuguesas com indicação para a prática da IVG recorreriam ao Serviço Nacional de Saúde ou ao sector convencionado, e mesmo com uma regra de comparticipação de 100%, o custo anual oscilaria entre 7,2 e 10,8 milhões de euros»”, disse ao Expresso.

Problemas com dinheiro? Será esse o problema do governo? Quanto se gastou em estádios de futebol que hoje estão às moscas? Quanto se gasta diariamente em asfalto colocado e levantado passado meses? Quanto se gasta em festas que só dão prejuízo, mas que são bonitinhas aos olhos do “pobo”? Etc

Nestas situações ninguém pensa nos gastos, mas quando se trata de vidas humanas todos discutem quando é que ela começa e quanto se vai gastar em acabar com ela. Concordo quando leio que a vida inicia-se na fecundação, mas discordo dizer-se não ao aborto por motivos exclusivamente sociais e sim quando o tal “ser vivo, a vida humana” é deficiente. Então aí já se pode que não é pecado, essa vida já não é humana, já está dentro da lei matá-la. O trabalho e a má qualidade de vida que esse ser vai dar e ter é justificável e a vida que vem ao mundo para não ser amada, ser abandonada, mal tratada, passar fome, frio e muitas vezes ser abusada, essa vida não pode ser abortada. Amigos, a decisão deve exclusivamente ser de quem quer cometer esse acto, nunca condenada pela sociedade. A lei deve permitir uma decisão da mãe e dar-lhe todo o apoio. “Eu preferia ter sido abortada do que um dia violada” (Expressão de alguém que um dia foi espancada e mal tratada).

 

Estes números contrariam as previsões da Plataforma «Não Obrigada» - de que fazem parte o economista António Borges e a vereadora Maria José Nogueira Pinto - que considera que o aborto vai custar entre 20 e 30 milhões de euros por ano.

PREFEREM QUE CONTINUE A ACONTECER O QUE MOSTRA A IMAGEM?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por kolaborador_4 às 11:57

7 comentários

De Atento a 14.01.2007 às 19:33

o aborto pode custar muito ao estado, mas custará muito mais se continuarmos na mesma. Deixemos as questões politicas de lado e passemos a realidades. este dinheiro é necessário ser gasto para o bem de uma sociedade que evolui, mas que nas mentalidades continua retrograda. vamos assumir o papel de moderadores nesta opinião. Deixemos as mulheres decidir o que pretendem e caso nos peçam opinião aí sim, penso que os homens a devem dar. Uma mulher nunca deveria ser condenada por fazer aborto. Tantos que matam e mandam matar e ninguém discute isso. Se a pena de morte ainda existe em alguns países e não é considerada frontalmente porquê agora condenar uma mulher por cometer um acto que pode ser de "amor". Pois se a sua consciência lhe diz que esse ser vem para sofrer, melhor será não vir Prefiro saber que alguém abortou do que saber que violou.

De Aposentada a 16.01.2007 às 17:57

Sr Atento
Acha bem empregue o dinheiro que o Estado gasta com os abortos porque é para o bem de uma sociedade que evolui....
Como é que uma sociedade evolui sem pessoas, sem dignidade?!.... É com as pedras da calçada?....
Se não dinheiro para coisas essenciais que aumente a qualidade de vida dos que por cá já andam, onde irão dinheiro para acaber com a raça humana?

De Atento a 16.01.2007 às 18:57

Todos nós sabemos que o despenalizar o aborto não é acabar com a raça humana, se assim fosse aos milhares que se fazem por ano, já cá não andava ninguém. Nunca se esqueça que o aborto sempre existiu, sempre se fez, e vai continuar a existir, todos sabemos que é feitos nas piores condições, e aí sim, entra a dignidade humana. Acha por bem que se continue a fazer o aborto clandestinamente e sem respeito pela vida que já cá anda? Melhor será fazê-lo com condições ou às escondidas e com agulhas de croché como se fazia antigamente? Temos de evoluir e não é só evoluir na defesa de uma sociedade hipócrita que é que mais se faz. Hoje diz-se na frente do amigo, sou completamente contra o aborto, sou pela vida, mas quando lhe bate à porta vai a correr a Espanha fazê-lo. Deixemo-nos de hipocrisias. Também sou contra matar alguém, mas cada um sabe de si, da sua vida e podem crer que muitas crianças vêem ao mundo para morrerem aos bocadinhos com fome, maus tratos, frio, violação e desespero por terem nascido. Minha cara senhora, o mundo não acaba com a despenalização do aborto.

De js a 15.01.2007 às 12:04

...mesmo a questão dos custos não é assim tão linear quanto se possa pensar ...pois o acompanhamento de uma gravidez também custa muito dinheiro e se for uma gravidez indesejável ainda custa muito mais...
quem diz não esquece-se que um dia os meios contraceptivos podem falhar e qual é a justiça de mandar para a prisão alguém que faz um aborto em que para tenha que corrr riscos de vida...
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt

De _estrelinha_ a 16.01.2007 às 13:23

é preciso ir votar no referendo temos o direito e temos de exerce lo, votem com confiança.
dia 11 de fevereiro

De lena a 04.07.2009 às 19:52

e horrivel abortar a horrival matar o que esta dentro de nos como se sentira depois disso? a mulheres que querem ter filhos e nao concegem porque nao dao em quanto outras matom o que mais importante

De Deus a 31.01.2012 às 20:55

Em 1º lugar, a senhora devia de ter sido abortada pois detectei uma deformação no seu cerebro, nao sabe escrever nem construir uma frase com estrutura para que as pessoas sem deformaçoes a possam perceber.
2º Com esta porra toda da tecnologia de hoje, nem se apercebeu que esta caixinha de texto tem no seu código C ou C# (aposto que também  não sabe o que isso significa, mas tem bom remédio: google) uma coisinha que nos permite corrigir os erros(escrita inteligente).
3º lol!

Comentar post



Comentários recentes

  • Anónimo

    Este paraquedista so falou da zona de lazer de Aze...

  • Anónimo

    APOIADO NO QUE AFIRMASMUITO OBRIGADO

  • Anónimo

    Acham que esse candidato deveria ter ganho? Para u...

  • Anónimo

    TU DEVES SER MAIS QUE PARVO, OU TENS UM RABO MUITO...

  • Anónimo

    comentário do dia das eleições, só falta o padre d...

  • Gertrudes Pinheiro

    Olá Kaskaedeskaska a Banana!Alguém me sabe dizer q...

  • Anónimo

    Os ratos fugiram. Vão ter que mentir e depois resp...

  • Anónimo

    vai haver festa

  • Anónimo

    Fiquei CHOCADA com a falta de informação deste com...

  • Anónimo

    Tudo seria fácil se o senhor Delfim Silva tivesse ...